Desconstrua-se


Quando nossas clientes nos procuram, elas querem, na verdade, se sentirem mais bonitas, satisfeitas com a sua própria imagem. Poucas querem “estar na moda” e as que querem, na verdade, só querem estar mais seguras de si e das suas escolhas. Ou seja, no final das contas o que todo mundo busca quando procura uma consultoria de estilo é autonomia para tomar decisões com segurança.


E essas decisões mais seguras só chegam com muito conhecimento. E o conhecimento que a gente passa pras nossas clientes só “pega” quando elas se permitem se desconstruir.


De nada adianta saber que a terceira peça alonga e afina o tronco se ela não sabe qual parte do corpo ela gosta mais e qual ela gosta menos. De nada adianta saber que um sapato de bico fino nude alonga a silhueta e minimiza eventual efeito achatador de uma saia midi se ela nem sabe se gosta de saia midi ou se a mensagem que uma saia midi possa transmitir é a mensagem que ela quer emanar pro mundo.


Ou seja: antes de nos perguntar: “tá na moda?”, a gente pergunta pras clientes (e faz com elas se perguntem e reflitam muito): Quem eu sou? Onde quero chegar? Como quero chegar? O que faz meus olhos brilharem? O que me faz amar um look? E o que me faz odiar um look? O que eu quero que as pessoas saibam de mim ao me ver?


Por isso a necessidade de nos desconstruirmos. Desconstruir padrões, crenças e regras inventadas por pessoas que não nos conhecem e que não sabem se nossa maior preocupação é parecer mais magra e alta ou não.


Feito isso, conte com a gente pra continuar a te ensinar como os elementos dos vestir podem ser manipulados pra trazerem a tona a sua personalidade no vestir. Mas isso já é assunto pra outro post... hehe.

Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • YouTube - Círculo Branco
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle